Coprocultura, cultura de fezes

Preparo:

Não utilizar laxativos (laxante)

Retirar frasco para cultura no laboratório.

Informar medicação, em especial antimicrobianos.

Enviar amostra para o laboratório em até 3 horas após a coleta.

Amostra:

Fezes recém emitidas com conservante Cary Blair.

Coleta:

Utilize um recipiente limpo e seco.

Após evacuação, retirar o SWAB da embalagem e passar em partes do bolo fecal (de preferência nas partes com muco, pus, ou sangue), colocar no frasco (parte que contém o algodão com fezes dentro do meio Cary Blair), fechar e identificar.

Em caso de crianças, admite-se a coleta sobre fralda descartável, recolhendo as fezes imediatamente após a evacuação.

Atenção: evitar contaminação com urina, água e outros elementos.

Enviar amostra para o laboratório em até 3 horas após a coleta.

Acondicionamento:

Transporte: caixa térmica com gelox (13ºC a 24,5ºC)

Após triagem: refrigerado (2ºC a 8ºC)

Arquivo biológico:

Não se aplica

Método:

Cultura de fezes em meio especifico (SS, Selenito, Rugai) – Técnica manual

Referência:

Ausência de crescimento de bactérias enteropatogênicas

Interpretação:

Pesquisa de agentes enteropatogênicos causadores de diarréias (Salmonella sp, Shigella sp, Escherichia coli, outros).